Plástico esverdeado

Verde que te quero… “verde?” É o título da reportagem sobre o plástico esverdeado da Braskem que acabo de publicar no jornal Extra Classe do Sindicato dos Professores do Rio Grande do Sul (Sinpro RS). Começa assim a matéria:

O festejado plástico “verde” reduz emissão de dióxido de carbono nos estados produtores de cana-de-açúcar, mas aumenta a emissão de poluentes na Região Metropolitana de Porto Alegre

A nova planta de eteno “verde” da Braskem, inaugurada no dia 24 de setembro pelo Presidente da República, foi instalada no Polo Petroquímico de Triunfo com um financiamento de R$ 555,6 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e licenciada em tempo recorde pela Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam). O órgão ambiental do Rio Grande do Sul não exigiu a apresentação de Estudo e de Relatório de Impacto Ambiental (EIA/Rima), pois considerou o local propício à atividade. A decisão, que acelerou o processo de licenciamento, impediu a discussão pública sobre o empreendimento.

A reportagem está disponível no link:  http://www.sinprors.org.br/extraclasse/nov10/ambiente.asp

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s